Return to site

Uma grande vitória da resistência popular!

Centro Paulo Freire é referência de formação do MST no NE

Está suspensa a decisão que determinava a desocupação do Centro Paulo Freire, da área coletiva do Assentamento Normandia, em Caruaru, um dos maiores centros de Formação do MST no Nordeste. É uma vitória robusta contra a política encampada pelo Governo Federal, de criminalizar os movimentos sociais e as referências formativas da população.

É uma vitória em favor da produção agroecológica, da vivência coletiva, e da formação política. Na área do assentamento, vivem 41 famílias, que têm como espaço coletivo o centro de capacitação, três agroindústrias, 52 alojamentos, salas de aula, auditório para 700 pessoas, centro comunitário, quadra esportiva, academia pública para atividades físicas, creche e refeitório.

A decisão suspensiva foi do desembargador Manoel Erhadt, do TRF5, que acolheu dois pedidos de recurso feitos pelos de advogados do Centro Paulo Freire e da Associação dos Trabalhador@s do Assentamento Normandia, focados na defesa do patrimônio sócio-político e da posse e propriedade de bens das famílias assentadas. Na sentença, o desembargador afirma que a reintegração de posse expedida geraria "danos irreparáveis” e recomenda a resolução do conflito de forma amistosa e conciliatória.

As Juntas Codeputadas integraram a luta ao lado do MST - Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, juntamente com o coordenador do MTST Guilherme Boulos, com o vereador Ivan Moraes e a comitiva de parlamentares da Alepe - Assembleia Legislativa de Pernambuco e da Câmara Federal, além de diversos outros movimentos sociais, das universidades, artistas e todas as pessoas que se uniram em pronta defesa do patrimônio social que é o Centro Paulo Freire. Para que se mantenha vivo como referência de resistência, de experiência bem sucedida de mundo coletivo possível, de espaço produtivo, auto-sustentável e em contínuo processo de formação. É o símbolo do poder do povo construindo um mundo novo.

Agora, com essas decisões, a reintegração se manterá suspensa até que os dois recursos sejam julgados pelo Tribunal. Continuaremos acompanhando de perto e não deixaremos essa luta jamais!! #Juntas

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OK