Voltar ao site

 Juntas concedem títulos de Cidadã e Cidadão Pernambucano à Joana Santos e Ivan Marinho de Barros Filho

· NOTÍCIAS

 Foram aprovados em reunião plenária virtual nessa quinta-feira (17) dois Projetos de Resolução (PR), de autoria da mandata coletiva das Juntas (PSOL/PE), que com muita honra concedem à Joana dos Santos Pereira e Ivan Marinho de Barros Filho os Título Honoríficos de Cidadã e Cidadão Pernambucano respectivamente. Joana recebe o título por toda a sua contribuição para a política e pela defesa ativa dos direitos das mulheres e da comunidade LGBT de Pernambuco. Ivan Marinho recebe a homenagem por toda a sua contribuição à cultura popular de Pernambuco.

JOANA DOS SANTOS PEREIRA- nasceu em 1961 na cidade de São Luís, Maranhão. Sempre vinculada a uma história de atuação política e social, é pedagoga, pós-graduada em gestão pública, educadora popular e feminista. Chegou em Recife no final de 1987, tendo como primeiros espaços de militância a assessoria sindical rural do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Pombos, a assessoria ao Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Cana-de-açúcar do Estado de Pernambuco e as atuações como educadora do Centro de Educação e Cultura dos Trabalhadores Rurais de Pernambuco (CENTRU) e como ativista na Pastoral de Juventude do Meio Popular - PJMP.
Baseia sua militância no movimento feminista a partir do Fórum de Mulheres de Pernambuco, exercendo a coordenadoria por duas gestões. Também presta assessoria de formação para fortalecimento de coletivos e movimentos populares com foco no grupo de juventude, negros e negras, população LGBTI+ e mulheres. É ativista na Articulação de Mulheres Brasileiras, representando este movimento no Coletivo Nacional da Marcha das Margaridas.
IVAN MARINHO DE BARROS FILHO - nasceu em Maceió - Alagoas, em 06 de abril de 1965, emigrando para o Recife em 1981. Licenciou-se em Educação Física pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e especializou-se em Economia da Cultura pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Por duas vezes ocupou a Gerência de Cultura na Secretaria de Cultura e por duas vezes ocupou a Coordenação de Cultura e Esportes na Secretaria de Educação do Cabo de santo Agostinho, onde, além de evidenciar a importância dos Mestres de Cultura Popular, criou o Encontro Pernambucano de Coco, o Encontro Celina de Holanda de Poetas Recitadores e o primeiro Conselho de Cultura do interior do estado de Pernambuco. Iniciando suas atividades públicas com a arte em 1982, quando, ainda aos 16 anos ingressara na UFPE, contribuiu, como chargista e poeta, com o jornal O Bancário, do Sindicato dos Bancários de Alagoas e subiu em palanques para recitar poemas em defesa das Diretas Já e da Anistia, no Movimento Estudantil pernambucano.
Por seus valiosos trabalhos que contribuem com temas importantes no Estado de Pernambuco como a cultura e os direitos humanos, Joana Santos e Ivan Marinho de Barros Filho recebem o reconhecimento como cidadã e cidadão pernambucano. Um gesto de gratidão por tudo o que fazem pelo povo pernambucano.

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK

...