Voltar ao site

 

Acessibilidade: site das JUNTAS completa 1 ano com intérprete virtual de Libras

As codeputadas Juntas seguem trabalhando para que as pessoas surdas tenham acesso aos conteúdos na Língua Brasileira de Sinais

 

Este mês faz um ano que as codeputadas Juntas (PSOL-PE) disponibilizaram em seu site institucional (www.juntascodeputadas.com.br) a ferramenta de interpretação em Língua Brasileira de Sinais (Libras) “VLibras”. Dessa forma, é possível traduzir todos os textos do site para Libras, seja pelo computador, celular ou outro dispositivo digital, levando acessibilidade para pessoas surdas. As parlamentares foram as primeiras da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) a oferecerem esse tipo de serviço para a comunidade surda. 

Esta é uma pauta sempre presente para as Juntas, que são as únicas deputadas a teremuma intérprete de Libras no gabinete. Desde o início da pandemia, elas têm travado uma luta por acessibilidade. Já solicitaram ao Governo do Estado medidas para que as informações oficiais sobre a Covid-19 também estivessem disponíveis para pessoas surdas, o que foi feito parcialmente. As pessoas com deficiência auditiva estão reclamando da falta de intérprete nos canais de comunicação oficiais do Governo, tendo que pedir ajuda de intérpretes voluntários. As Juntas afirmam que é preciso respeitar as diferenças e particularidades de cada ser. Mesmo que alguém com deficiência auditiva saiba ler, a Língua Brasileira de Sinais é seu primeiro idioma, como o português para o ouvinte. É importante ressaltar que no caso dos vídeos, é política das Juntas inserir janela de Libras em todos os produzidos pelo mandato. 

Vejacomo acessar o/a intérprete de Libras no site da mandata: 

É bem simples. A pessoa precisa apenas apertar em cima da imagem que tem duas mãos, mostrando o sinal de Libras,na cor azul e branco. Uma janela é aberta com um avatar, que pode ser umamulher ou um homem, de acordo com a escolha da pessoa. Neste espaço é possível ainda selecionar a velocidade da interpretação, se quer que o texto que está sendo traduzido apareça, se a intérprete virtual deve compreender palavras regionais e acessar um dicionário. 

O VLibras é uma plataforma gratuita e de software livre, ou seja, um programa decódigo aberto para quem quiser colaborar com novas modificações. Ele é resultado de uma parceria entre a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) com o Ministério da Economia (ME), por meio da Secretaria de Governo Digital (SGD). Para as Juntas, esta também é uma forma de lutar pela transparência e ações coletivas, apoiando os programas abertos que são desenvolvidos em busca da promoção do bem-estar social.   

Comunidadesurda na luta por direitos   

AsJuntas acreditam na luta das pessoas surdas por mais igualdade, inclusão eacessibilidade. Pernambuco tem aproximadamente 14 mil pessoas surdas. O acesso à informação é fundamental. Desde o início da pandemia, as codeputadas pressionam através de apelo e discursos na plenária da Alepe para que o Governo do Estado torne suas divulgações mais acessíveis, já que muitas delas não têm intérprete de Libras.    

Sepassaram quase 20 anos da criação da Lei nº 10.436/2002, mas a comunidade surdaainda têm uma longa jornada para conquistar, pois, mesmo que existam leis em prol da acessibilidade e inclusão, elas não são plenamente cumpridas. Além disso, há as dificuldades enfrentadas na crise gerada pela covid-19. É preciso políticas públicas para pessoas surdas, salas de aulas inclusivas, escolas bilíngues e estímulo à população em geral para aprender a Língua Brasileira de Sinais. É preciso dialogar para conhecer as demandas do povo surdo em defesa de seus direitos.   

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK

...