Voltar ao site

20 de maio - Dia da técnica, do técnico e auxiliar de enfermagem

Na luta pelo piso salarial e por uma jornada de trabalho digna!

· NOTÍCIAS

Hoje não é um dia para comemorar. Hoje é um dia de luta para todas/os as/os técnicas/os e auxiliares de enfermagem! Profissionais fundamentais para a Saúde, ainda mais em tempos de pandemia, arriscando suas vidas diariamente. Esse é um momento ainda mais difícil para essas categorias, que estão enfrentando uma grave crise pelo direito a trabalhar com dignidade, que piorou depois do golpe que aconteceu na terça-feira (18), em que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM) negou o pedido de urgência, assinado por 55 senadores, do Projeto de Lei 2564/20 que estabelece o piso salarial e a jornada de 30 horas semanais para as/os auxiliares e técnicos/as de enfermagem, enfermeiras/os e parteiras.

Essa é uma pauta prioritária das Juntas, que vêm atuando em prol das categorias da Saúde desde o início da mandata. Em agosto, as codeputadas fizeram um requerimento à Alepe de Apelo ao governador Paulo Câmara pedindo que apresente um Projeto de Lei que incorpore a Gratificação de Plantão ao salário base das técnicas e técnicos de enfermagem servidoras(es) de Pernambuco. A iniciativa se deve ao fato de que o reajuste do salário só pode ser feito pelo chefe do executivo do estado.

Desde o primeiro ano na Assembleia, as Juntas vêm denunciando na Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular da Assembleia, também nas plenárias e em uma Audiência Pública as dificuldades enfrentadas pelas categorias. A situação dessas/es trabalhadoras/es ficou ainda mais precária com a crise sanitária da covid-19, pois essas trabalhadoras e trabalhadores da saúde estão na linha de frente no combate ao vírus, sofrendo com a falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), aumento do estresse na jornada de trabalho, uma maior exposição ao novo coronavírus e tudo isso com o salário defasado, que é abaixo do piso definido em Pernambuco. Isso mostra a desvalorização com um setor essencial para a sociedade.

Não pode haver discriminação entre as categorias que trabalham na saúde. As Juntas seguem na luta ao lado de todas/os técnicas/os e auxiliares de enfermagem pelo reconhecimento e valorização e entendem que para alcançar isto só é possível através da luta sindical, ao lado dos movimentos como forma de resistência a favor das políticas públicas.

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK

...